Logo Principal
Covid-19

Paraná abre 250 novas bolsas para profissionais e estudantes da saúde atuarem no combate à Covid-19

Novo edital também prevê a prorrogação do prazo de mais de 600 bolsas que estão em vigência.

29/07/2020 11h03
Por: Redação
Fonte: G1 Paraná
Foto: Geraldo Bubniak/AEN
Foto: Geraldo Bubniak/AEN

O Governo do Paraná abriu uma nova seleção com 250 vagas para que profissionais de saúde e estudantes da área atuem como bolsistas em ações de prevenção e combate ao coronavírus no estado.

O processo também prevê a possibilidade de renovação por mais quatro meses das 691 bolsas que estão vigentes.

A chamada pública possui caráter de fluxo contínuo, o que significa que vai atender a demanda conforme for necessário.

De acordo com boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), nesta segunda-feira (27), o Paraná atingiu o total de 67.276 casos confirmados do novo coronavírus, com 1.682 mortes pela doença.

A seleção tem vagas os seguintes profissionais:

Médico

Psicólogo

Enfermeiro

Técnico de enfermagem

Assistente social

Biólogo

Biomédico

Bioquímico

Educador físico

Farmacêutico

Fisioterapeuta

Terapeuta ocupacional

Fonoaudiólogo

Médico veterinário

Nutricionista

Dentista

Técnico em radiologia.

O envio da documentação é acontece de forma online, e o critério de escolha dos bolsistas acontecerá por ordem cronológica de inscrição, desde que a documentação esteja correta, segundo o governo.

As bolsas aos estudantes é de R$ 800. As bolsas aos profissionais formados variam de R$ 1 mil a R$ 4 mil.

Os selecionados vão atuar na plataforma de telemedicina, nas divisas rodoviárias do estado, na Ceasa-Curitiba, em regionais de saúde, no Laboratório Central do Estado (Lacen), no Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) e em unidades do Departamento Penitenciário do Paraná (Depen).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias